sexta-feira, 28 de outubro de 2016



Líder Real com motivação em alta

Na véspera de surpreender o mapa futebolístico nacional com a eliminação do Arouca, adversário que disputa a Liga NOS, na Taça de Portugal, o técnico do Real, Filipe Martins, sublinhava que “o planeamento para o jogo foi o mesmo de sempre. Não me parece ser possível escolher a melhor fase para se jogar. ”Por seu turno, o defesa Nuno Tomás considerava esse “um momento alto, sempre bom, uma semana em que não há jogadores desmotivados.”

Duas semanas depois, o desafio é completamente diferente, prendendo-se com a deslocação ao terreno do Barreirense, uma das duas equipas que ainda não logrou vencer qualquer partida nas sete já disputadas na Série G do Campeonato de Portugal. Neste caso, a meta será mesmo não desvalorizar o adversário. Caso contrário, a concorrência estará à espreita para criar aproximação à liderança que tem sido pertença do emblema de Queluz/Monte Abraão nas últimas semanas…