quarta-feira, 5 de abril de 2017




Apesar de limitado por uma série de lesões e um turbilhão de emoções devido ao regresso do Processo Jogo Duplo à agenda pública com o nome do clube envolvido através de dois dos seus jogadores, o Oriental reagiu com clarividência dentro de campo ao bater de forma inequívoca o Mineiro Aljustrelense num desafio no qual saiu para intervalo com uma vantagem mínima mercê de um canto ‘trabalhado em laboratório’ transformado em golo por Henrique Gomes na pequena área após ter sido servido de forma intencional por Daniel Almeida ao segundo poste, aos 26 minutos.

A turma de Marvila resolveria a partida com alguma naturalidade na segunda metade ao apontar o segundo tento já numa fase intermédia dessa etapa através de uma grande penalidade conquistada por Joel Araújo que foi carregado em falta para que segundos depois Faísca convertesse a oportunidade de ampliar um resultado que chegaria aos 3-0 aos 75, momento em que um contragolpe gizado de forma rápida chegou até Victor Veloso que de pé esquerdo lançou o lateral Varudo que perante o guardião contrário atirou de forma colocada ao primeiro poste.

Apesar da grande distância em que se encontrava no resultado, o Mineiro Alijustrelense procurou pelo menos reduzir e entrar no resultado, intento que conseguiria concretizar aos 85 quando o suplente utilizado Nando atirou em zona frontal na direcção das redes defendidas por Rafael Marques com o disparo a sofrer ainda um desvio no defensor Abel Pereira. Ainda assim, a confortável margem garantiria mesmo ao Oriental a conquista dos três preciosos pontos em disputa.

Campo Eng. Carlos Salema - Lisboa

ORIENTAL
22- Rafael Marques
2- João Oliveira
5- Abel Pereira
2- Daniel Almeida ©
26- João Vicente
17- Xiao Yufeng
(13- João Varudo, 23)
29- Marco Bicho
16- André Faísca
30- Henrique Gomes
(14- Luís Lucas, 88)
15- Joel Araújo
(19- Tiago Rente, 83)
11- Victor Veloso
Suplentes não Utilizados: 12- Tiago Mota, 23- Álvaro Jaló e 77- Sebastião Nogueira
Treinador: António Pereira

M. ALJUSTRELENSE
12- Miguel
2- Pirralho
6- Samiro
4- Gilson
13- Maurício
22- Kali
15- Valdir
20- Zé
(16- Tigana Quebé, 69)
8- Nabor ©
10- Canina
(3- Nuno Alves, 80)
11- Banana
(17- Nando, 56)
Suplentes não Utilizados: 1-Fábio Reis, 9- Rúben e 14- Soudo
T: Vítor Rodrigues

Arbitragem: José Salema - Algarve
Disciplina: cartão amarelo para Gilson (42), Maurício (54), Zé (64), Samiro (68) e Tiago Rente (90+2)
Marcadores: Henrique Gomes (26), André Faísca (67, pen) e João Varudo (75); Nando (85)