segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017



Boa... Vida começa no Alentejo

Sai Luís Loureiro, entra Boa Morte. Poderia ter sido uma qualquer substituição realizada por qualquer clube até há poucas épocas num qualquer desafio de futebol, mas acabou por decorrer já com ambos enquanto treinadores - com o final da Série G do CPP, terminou também a passagem de Luís Loureiro pelo comando técnico do Sintrense que apesar da boa carreira realizada na prova, que terminou com 38 pontos conquistados, falhou o objectivo a que se propunha no início da temporada e que levou a um forte investimento da sua SAD, liderada por investidores chineses.

Essa meta assumida de forma clara procedeu à contratação de vários futebolistas profissionais. Por esse motivo, a vitória assegurada no terreno do Barreirense constituiu a despedida do técnico que será substituído de imediato visto que apresentou a demissão logo após o apito final dessa agridoce vitória.

Com efeito, o 3º lugar em que se posicionou o emblema de Sintra, a um ponto do apuramento para a Série de Subida conduziu a uma mudança no comando técnico prevendo já a preparação para a próxima temporada. Assim, o Sintrense procedeu à substituição de um antigo futebolista do Sporting por outro ex-leão, trocando Loureiro por Luís Boa Morte que aos 39 anos terá a missão de confirmar a manutenção do clube.

Recorde-se que o Sintrense se encontra inserido na Série G de Manutenção com 6 pontos de margem sobre os lugares que valem a despromoção aos campeonatos distritais; ao mesmo tempo, o antigo internacional português terá a tarefa de igualmente preparar um plantel competitivo que na próxima temporada volte a atacar, mas desta feita com sucesso, a qualificação para a Série de Subida à Ledman LigaPro.Para já, a nova vida de Boa Morte e do Sintrense terá início com a deslocação ao terreno do último classificado, o Sp. de Viana do Alentejo.