quarta-feira, 14 de dezembro de 2016



Casimiro deixou o Real SC rumo ao Barreirense

No dia em que recebe o Benfica pela Taça de Portugal, as atenções do Real SC estão completamente direccionadas para esse momento que se apresenta como o mais importante das carreiras do grupo de trabalho do emblema da zona de Sintra que nos dias antecedentes procedeu a alguns reajustamentos no seu plantel de forma a colocar os futebolistas que não vêm tendo tantas oportunidades de alinhar tanto na Série G do CPP como na própria Taça.

Assim, o Real recentemente viu confirmada a saída de Rúben Casimiro, um dos futebolistas que há mais anos se encontrava no plantel mas que apesar da relevância que sempre deteve no balneário do Real procurou um novo rumo no qual pudesse competir com regularidade.

Com efeito, o lateral esquerdo de 23 anos (pode também jogar como defesa central, a posição na qual se formou, e médio defensivo) apenas havia disputado 5 partidas no CPP e 2 na Taça na corrente temporada, manifestamente pouco para as suas aspirações, o que o levou a procurar a saída para um clube que curiosamente disputa a mesma Série, o Barreirense.

Envolvido na luta pela fuga aos postos de despromoção, o clube do Barreiro desde logo lhe ofereceu um lugar como titular na lateral esquerda numa jornada na qual Casimiro disputou os 90 minutos na derrota caseira frente ao Casa Pia (0-1).