quarta-feira, 1 de março de 2017


Cimeira pela liderança do Nacional de Juniores com o líder isolado da prova a receber o vice-líder, também sem desaires na Fase Final, até que a partir do 1-1, apontado por Jovane Cabral, solto pela esquerda por passe interior do veloz Elves Baldé (o melhor em campo) aos 21, se assistiu a um cenário de domínio por parte do Sporting que venceu com toda a justiça.

Academia Sporting - Stadium Aurélio Pereira (Alcochete)

SPORTING
1- Luís Maximiano
2- Thierry Correia
3- Merih Demiral
4- Tiago Djaló
(18- Douglas Aurélio, 76)
5- Abdu Conté ©
6- Daniel Bragança
8- Bruno Paz
7- Elves Baldé
9- Pedro Marques
11- Jovane Cabral
(17- Rafael Leão, 65)
10- Jefferson Encada
(15- Miguel Luís, int.)
T: Tiago Fernandes
4x4x2

ACADÉMICA
1- Rodrigo Murta
2- Marcelo Dias
3- Rui Rua ©
4- Tiago Palancha
5- Nuno Esgueirão
6- Aílson Tavares
(17- Gonçalo Chaves, 77)
8- João Vasco
10- Litos
(15- David Teles, 58)
7- André Vidigal
9- Leandro Cardoso
11- Sandro Moço
(18- Diogo Mingachos, 68)
T: Luís Miguel Carvalho
4x3x3

Arbitragem: Carlos Manuel Espadinha - Portalegre
Disciplina: cartão amarelo para Aílson Tavares (41), Miguel Luís (90) e Elves Baldé (90+2); Marcadores: Jovane Cabral (21), Pedro Marques (63), Elves Baldé (68 e 75); Tiago Palancha (8) e David Teles (86)

Declarações

Tiago Fernandes - treinador do Sporting

A equipa reagiu como esperava; o sentimento é o de que não nos podemos sentir imbatíveis, não há invencíveis no futebol.