terça-feira, 14 de março de 2017


Perante a possibilidade de ascender à liderança da Série G de Manutenção para ambos, Oriental e Sintrense fizeram impor uma maior rigidez defensiva ao invés de um maior risco e rasgo ofensivos, não evitando um nulo resultante de uma 1ª parte na sua generalidade mais disputada a meio-campo e uma 2ª bastante mais aborrecida. Como consequência, as duas equipas apenas demonstraram capacidade defensiva - nota para a prestação intratável da dupla de centrais visitante formada por Sandro Silva e Leo - e permitiram ao Casa Pia destacar-se na frente da competição.

Campo Eng. Carlos Salema - Lisboa

ORIENTAL
12- Mota
5- Abel Pereira
44- Hugo Grilo
20- Daniel Almeida ©
13- João Varudo
4- Tiago Mota
29- Marco Bicho
16- André Faísca
23- Álvaro Jaló
30- Henrique Gomes
77- Sebastião Nogueira
Suplentes Utilizados: 11- Victor Veloso, 10- João Santos e 19- Tiago Rente
Suplentes não Utilizados: 22- Rafael Marques, 2- João Oliveira, 17- Xiao Yufeng e 26- João Vicente
Treinador: António Pereira

SINTRENSE
83- Filipe Leão
14- Filipe Gaspar
3- Sandro Silva
22- Leo
80- Vítor Sanches
23- André Ceitil
10- Rui Monteiro ©
21- Odair
2- Pedro Caipiro
9- Iaquinta Fati
88- Bassalia Ouattara
Suplentes Utilizados: 8- Filipe Pipas, 99- Daniel Silva e 7- Manuel Liz
Suplentes não Utilizados: 1- Rúben, 16- Miguel Pinto, 11- Cláudio Anjos  e 20- Leandro Jacinto

Arbitragem: Nuno Roque
Marcadores: -.