domingo, 5 de março de 2017


 

Reviravolta importante para os encarnados que atacavam não só a consolidação do terceiro posto como para boa parte destes jogadores uma partida mais descansada para Moscovo, onde na 3º feira o Benfica disputará um lugar nas meias-finais da UEFA Youth Cup.
Caixa Futebol Campus - Seixal

BENFICA B
72- Ivan Zlobin
99- Simón Ramírez
66- Rúben Dias ©
97- Francisco Ferreira
60- Pedro Amaral
88- Pepê Rodrigues
61- Florentino Luís
91- Heriberto Tavares
(82- Luquinhas Viana, 90)
73- João Filipe
(54- Romário Baldé, 76)
84- Diogo Gonçalves
70- José Gomes
(65- Rodrigo Escoval, 90+3)
T: Hélder Cristóvão
4x4x2

OLHANENSE
1- Rodolfo Vacas
21- Carlos Freitas
74- Jean-Christophe Coubronne ©
55- Gianmarco Gerevini
77- Hélder Cabral
34-  Sori Mané
10- Lorenzo Galassi
(11- Aldair Baldé, 65)
20- João Oliveira
(8- Edgar Abreu, 80)
7- Jorge Gonzalez
(9- Roman Chanturia, 80)
92- Salim Cissé
29- Jorman Aguilar
T: Bruno Saraiva
4x3x3

Equipa de Arbitragem: Miguel Libório (árbitro principal), Ricardo Luz e António Franco (árbitros auxiliares) – Lisboa
Disciplina: cartão amarelo para Simón Ramírez (59), João Oliveira (71), Rúben Dias (74), Pepê Rodrigues (83)
Marcadores: Diogo Gonçalves (37), Pepê Rodrigues (53, pen); Gianmarco Gerevini (15)

Bruno Saraiva – treinador do Olhanense

Entrámos bem no jogo e o Benfica talvez não esperasse uma atitude tão atrevida da nossa parte, obviamente que jogar num palco destes motiva sempre.